quinta-feira, 17 de dezembro de 2020  14:27

Política de Investimentos e orçamento aprovados para 2021




Orçamento para 2021 

O Conselho Deliberativo da Bungeprev aprovou, em 26 de novembro, o Orçamento da Entidade para 2021, proposto pela Diretoria Executiva. O documento prevê um total de R$ 2,7 milhões de despesas para o ano seguinte, compostas basicamente pelos contratos de prestação de serviços (seguridade, atuária, contabilidade, assessoria jurídica e  consultorias de investimentos e jurídicas); estrutura de pessoal; auditorias; comunicações; taxas/impostos e; diversos.  As despesas para 2021 contemplam estimativa de correção pela inflação (de aproximadamente 3,5% nos contratos de prestação de serviços).

Política de Investimentos  para 2021

A Diretoria Executiva entregou proposta de Política de Investimentos da Entidade para o Conselho Deliberativo e este aprovou, em reunião ocorrida no dia 26 de novembro de 2020, as diretrizes que irão nortear as aplicações da Bungeprev para o próximo ano. A Diretoria foi assessorada pela Consultoria PPS e pelo Comitê de Investimentos, contando com estudos de simulação de cenários para a economia e mercado de capitais. Este estudo (Fronteira Eficiente) é um conjunto de estratégias que maximizam o retorno para cada nível de risco.

Abaixo encontra-se quadro comparativo com segmentos para aplicação e seus objetivos (alvos) e limites.

Autor: Bungeprev

Fonte: .